sábado, 30 de março de 2013

o espaço discreto entre o rosto e a animalidade

Na casa de Desterro já faz alguns dias que o sol não aparece, é que la o tempo anda sempre pelo meio, sempre meio tempo. Na praça as costureiras experimentam os vestidos prontos para a folia de reis, ao mesmo tempo que reclamam dos dedais que já não servem mais pra nada, todas elas tem a ponta do dedo indicador peneiroso. Ouvi dizer que tudo aquilo que atrapalharia o calendário da festa foi uma louca pretensão, visto que as escadas já tinham sido limpas pelos coroinhas do padre Amaro,e, que fique claro, que esse comentário que agora farei não se trata de duvidar, mas creio que não seja barro aquilo que suja as paredes brancas da igreja. Me desculpe a descompostura, é que já não quero pensar nas tarefas com a analogia dos degraus.
Mas o divino sabe que eu rezo, e como sabe! Aquele rosto de desenho inacabado me arranca as raízes do chão e me faz caminhar até Jesus se for preciso! O diagnóstico foi dado e aquilo me doía desesperadamente, e, através dessa vivência,  consigo perceber que há finito no infinito, e que por mais que minha relação com o divino ainda seja estreita demais para exigir-lhe alguma posição, deito toda noite no chão do meu quintal e peço, peço numa angústia muda que meu rosto deixe de ser a expressão do meus sentidos; um rosto é um itinerário, e o acesso a ele é imediato, não quero me tornar um ser tão vulnerável. E sempre que levanto o corpo depois de me deitar sobre o orvalho, olho pro lado para me certificar se as gerberas ainda estão la, constato hoje que algumas já estão secas, e volto a insistir, como é difícil lidar com os fins e a passagem do tempo.

- oi moço, boa noite, posso lhe falar até gelar a espinha?  é que a ideia de infinito vista no rosto do outro me da uma sensação vertiginosa, imagino então que o amor tenha que ser trabalhado, de modo a fazer senti-lo até nas primeiras linhas dos meus textos.
a escrita ainda me pega de uma maneira que eu não sei explicar...

2 comentários:

Marcello M. disse...

o amor também não pode ser trabalhado.

fauz ali disse...

Pretty fantastic post. I just stumbled upon your weblog and wanted to say that I have really enjoyed reading your weblog posts . well basically im a travel agent and we offers Cheap hajj Packages | Cheap flights To Harare | Cheap umrah Packages | Cheap flights to lagos | Cheap flights to Entebbe | Cheap flights to dar es salaam . Anyway I'll be subscribing to your feed and I hope you post again soon

...