domingo, 8 de abril de 2012

tentativa numero 4: ser lúmpen

Trocaram a fechadura do portão e a chave pequena não tranca mais a porta, agora, quando você quiser aparecer vai ter que me avisar.

pois é certo que eu não falo sobre minhas vontades.
te chamo pro mar, quer ver? quer ver como me lanço sem volta?
quer lançar-se comigo?


acabar ou desfalecer?
desintegrar cada partícula, cada palavra

mas

meu pensamento
ainda paira sobre seus ombros
e me mantenho nesse desnível

faço do descompasso um modo de vida
e aceito a ausência
como devoção.

3 comentários:

Dell disse...

Me pego em devaneios no teu blog.
Fã e seguidora.
Passe no meu depois
iraemseda.blogspot.com.br
Meu pequeno atelier, textos, desenhos, arte em photoshop, lista de desejos! =D

Carina disse...

lindeza, Natame, socorro.

"quer ver como me lanço sem volta?"

Marcello M. disse...

"caracol é uma solidão que anda na parede"

...