domingo, 20 de novembro de 2011

experiência em primeira pessoa

porém
cada um
uníssono
um só
o indivíduo
procura
seu igual
do privado ao púdico
eu rio
eu ouço
e espero
apesar de ser gaiato
posso ser um homem
inato
tranquilo
passado
aqui estou!
nunca
grito
fecho as vias
fecho os olhos
a deus
.

6 comentários:

Mauro Henrique disse...

Que mais belas rimas, parabéns pelos poemas!

Mago disse...

Primeira vez aqui, fico maravilhado porque é difícil ver alguém trabalhar bem as palavras num poema. O próximo, (pergunta do texto lá embaixo) acho que somos todos nós, mas sendo próximos, porque estamos tão distantes?
Voltarei e quem sabe, no próximo, eu sorrirei outra vez.
Beijos do Mago

O Cercadinho disse...

Seguido leio o teu blog, interessantes teus posts.
Te escrevo para divulgarmos nosso blog, ainda está em processo de expansão. Se quiser nos acompanhar e dar umas risadas:www.o-cercadinho.blogspot.com
Será um prazer te ter nos visitando lá.
O que é O Cercadinho? Segue uma apresentação para te situares.
Em cada relacionamento afetivo, os envolvidos ficam restritos a um espaço, O Cercadinho, onde acontecem as interações. Em algumas fases, está cheio de "queridas", mas em outros, quase vazio. O Cercadinho é o resultado das conquistas amorosas, onde cada um preenche à sua maneira e gosto. Pode ter o critério de cotas e uma de cada: loira, morena, mulata, ruiva ou japa. O estilo Censo do Ibope, com faixas etárias e tipos variados. Até monogâmico com apenas uma mulher selecionada.Entre no nosso Cercadinho e boa leitura.
Por Iberê

poetisa disse...

Aplausos... Muito boa a rima... Já fiz isso uma vez contando as minhas dores por um alguém..
kiss :)

Ravanhani disse...

Muito bom.

Clinica Psicologia Lisboa disse...

Adorei a sua criatividade..Vou segui-lo daqui em diante.

...