segunda-feira, 23 de maio de 2011

piuzices para Mariana.


Ela me ensinou que passarinho de metrópole é o alarme de um carro,
e que borboleta de metrópole é papel que avoa na imensidão

Disse-me que quando resolve amar,
o céu fica feito pintura, e deus aparece com delicadas mãos
vivo com o olhar erguido, a espera de carícias, desde então.

Quando voa
Dribla o ar, ganha uma casa maior que todas as outras,
abre-se por completo, o mundo em oposição...

Sua fala...
Voz serena, compilada por singelos toques da natureza,
a junção de todas as partes, unas, faz brotar sua beleza
na imensidade azul, que seus olhos são...

Mariana, possui o dom da palavra que encanta
A menina que me ensinou a virar planta, e criou raízes no meu coração.

6 comentários:

Mariana Conti disse...

Você é assim, a flor vermelha que brota em meu jardim.
(L) sempre!

Annie W. disse...

Lindo blog. Linda poesia.

Layz Costa disse...

ameiii seu blog, poesia linda demais...
parabénsss amore!
depois faça uma visita,
te seguirei..
bjmm

Website Hosting disse...

The next time I read a blog, I hope that it doesnt disappoint me as much as this one. I mean, I know it was my choice to read, but I actually thought youd have something interesting to say. All I hear is a bunch of whining about something that you could fix if you werent too busy looking for attention.

vignarulo disse...

very nice blog!!!!!!!!!!!!

Carina disse...

gracinha pura!

...